• (49) 3380 - 8774
Redes Sociais

Blog

Leia as últimas notícias do mundo do telecom

Qual a diferença entre sistema de energia solar fotovoltaica e sistema de aquecimento solar?

09 de Setembro de 2020
Categoria: Notícias | Escrito por: ATPlus Engenharia
Qual a diferença entre sistema de energia solar fotovoltaica e sistema de aquecimento solar?
 Se você acredita que ambos são a mesma coisa, saiba que não. Embora ambos usem a energia do sol, são sistemas diferentes. A ATPlus Engenharia te explica melhor como funciona abaixo:
Aquecimento solar é o sistema que utiliza a energia fornecida pelo Sol exclusivamente para esquentar a água a ser utilizada em uma casa ou ambiente comercial. Já a energia solar é a aplicação do que é captado pelos painéis fotovoltaicos para a produção de eletricidade, expandindo o uso para diversas finalidades. Esses conceitos são semelhantes por dependerem da luminosidade e do calor do sol para que os resultados sejam alcançados, mas os seus funcionamentos são diferentes e dependem de componentes específicos.
Muitas casas brasileiras têm placas instaladas no telhado mas nem todas servem para produzir energia elétrica. O sistema mais comum, por conta do preço mais convidativo, é o que usa placas escuras para aquecer a água e armazená-la em um recipiente especial. Apesar disso, a realidade está mudando e o preço dos sistemas de geração de energia elétrica fotovoltaica tem se tornado mais barato e feito a relação custo-benefício valer a pena.
Ainda que exista relativa diferença entre os valores de instalação, o objetivo de economizar dinheiro com a conta de luz acaba sendo alcançando tanto por um quanto por outro (em diferentes proporções). Ao usar um conjunto de placas para esquentar a água, torna-se possível reduzir drasticamente o consumo da energia gasta pelo chuveiro elétrico — um dos itens que mais consomem eletricidade quando usados. Mas mais do que isso, quem opta por instalar um sistema completo de geração fotovoltaica em casa ou na empresa passa a ser um microgerador de energia e obtém ganhos ainda maiores com a redução da conta de luz, já que além de converter a luz do Sol para consumo no próprio imóvel, pode disponibilizar o excedente para a rede e obter créditos com o insumo.
Os equipamentos para aquecimento solar e energia solar são diferentes?
Como as finalidades de uso da energia propagada pelo Sol são diferentes nos dois modelos, há particularidades técnicas em cada um dos sistemas.
As instalações que convertem a radiação solar apenas em calor para a água são mais simples e formadas pelos seguintes componentes:
·         coletor solar: responsável pela absorção da radiação solar. O calor é transferido para a água que circula no interior das tubulações de cobre;
·         boiler: é onde a água fica armazenada. Pode ser construído em cobre, poliproileno ou inox e é isolado com material que não agride a camada de ozônio. A água é mantida aquecida até que seja consumida.
Além desses componentes, serão necessários itens periféricos como fios e cabos elétricos. Mesmo assim a composição fundamental é bastante simples — o que justifica o custo menor desse tipo de instalação. Isso também tem relação com o resultado pretendido — apenas o aumento da temperatura da água.
É importante destacar que um sistema de aquecimento solar não elimina completamente a dependência da energia elétrica e se o local onde ele for instalado tiver baixa incidência da luz natural, pode não ser economicamente interessante. A resistência que compõe o boiler será acionada sempre que a temperatura escolhida pelo usuário não for atingida pela água por meio do calor captado pelas placas. Logo, o consumo de energia elétrica pode aumentar.
Sistema de geração de energia solar
Por ser tecnicamente mais robusto, oferece resultados melhores. Os componentes têm uma função importante que não é tão simples como aquecer a água, mas também gerar energia elétrica, e há a necessidade de alguns componentes projetados especialmente para a captação e conversão da energia solar em elétrica, como:
·         Módulos Fotovoltaicos: são placas compostas por células solares, que possuem a capacidade de converter a luz do Sol em energia elétrica. Geralmente ficam dispostos nos telhados dos imóveis e conectados aos outros componentes do sistema por meio de fios elétricos. Não circula água pelo seu interior e pode ser instalada num local que já possua um sistema de aquecimento solar;
·         Inversores: são eles que recebem a energia elétrica gerada pelos módulos e a sincronizam com a rede da concessionária, permitindo injetar este insumo na rede para abastecer os equipamentos do imóvel — ou transferir o excedente para a rede da companhia. Basicamente, converte a corrente contínua gerada pela energia do sol em corrente alternada, para ser usada pelos equipamentos elétricos;
·         String Box: é um quadro elétrico que ajuda a prevenir danos ao sistema fotovoltaico, proteger contra surtos e auxilia em manobras quando for feita a manutenção do sistema fotovoltaico, preservando o investimento feito por muito mais tempo.
Como o sistema de energia solar fotovoltaica gera energia elétrica, é mais completo, os resultados são mais expressivos e o tempo de retorno do investimento é mais perceptível. Essa possibilidade existe por conta da geração de eletricidade a partir do kit completo instalado na casa ou na empresa, que funciona integrado à rede local e gera créditos que fazem a conta de luz baixar consideravelmente.
Você sabia dessas diferenças entre os dois sistemas? Sabia que a energia solar fotovoltaica pode ajudar você a economizar até 95% na fatura de energia elétrica? Saiba mais, entre em contato conosco CLICANDO AQUI  para fazer uma simulação de economia e ter um orçamento sem compromisso. A ATPlus Engenharia entrega o que há de melhor em tecnologia e capacidade técnica, evitando dores de cabeça desnecessárias.
 
Compartilhe nas redes sociais

A ATPlus conta com os melhores Profissionais

Contamos com Engenheiros, Técnicos e Analistas prontamente qualificados para melhor atender-lo.